quarta-feira, 23 de janeiro de 2008

a sensação de que perdi alguma coisa;
a sensação de que esqueci algo em casa;
a sensação de quem esconde algum segredo;
a sensação de quem é nova no emprego;
a sensação de saudade apertada;
a sensação de tristeza que não existe;
a sensação de desmaio, suar frio;
Quando acordei,
achei que tivesse algo errado
Verifiquei o telefone,
me olhei no espelho
Talvez fosse uma das poucas vezes,
que acordei e não senti sono
Ansiedade,
me traz mais um café por favor!

Um comentário:

Tiago Abreu disse...

intenso... "...acordei e não senti sono" - realmente, hoje ao acordar você disse que parecia ter dormido um século.
eu tenho tanto sono que esse poema parece estar em câmera lenta, cada flash de sensações... linda
me acorda!